2° ano se encanta com uma atividade de capoeira

Alunos conhecem costumes da cultura Africana e Brasileira

Alunos do 2° ano do Anglo Leonardo da Vinci, unidade Osasco e Granja Viana, conheceram um pouco sobre a história da capoeira com Bob, da escola Cordão de Ouro, do Mestre Kuata. A atividade mostrou a eles que esse é um dos costumes que herdamos da cultura Africana.

Não se sabe ao certo a origem da luta. Segundo o Bob, a lenda que faz mais sentido é a da Zebra: na África, os meninos começaram a imitar a "dança das zebras", que acontecia quando elas lutavam por parceiros.

Chegando ao Brasil, a dança evoluiu entre os negros nas senzalas. Quando tentavam fugir, se arrastavam por um mato baixo chamado "capoeira”. Assim, se deu o nome de capoeira. Bob explicou que eles a aperfeiçoaram, incluíram o tambor, que já era um objeto de comunicação.

As crianças ficaram empolgadas com a atividade e mais ainda ao aprender alguns movimentos. Divertiram-se com as músicas e fizeram muitas perguntas sobre o tema.

Depois, degustaram uma deliciosa feijoada para conhecer um pouco mais sobre essa comida típica (Reza a lenda que, nos tempos coloniais do Brasil, os escravos criaram o prato aproveitando as sobras de comida da casa-grande, que incluíam partes descartadas do porco, como pés, orelhas e rabo). As mães Carolina, do aluno Igor, e Bruna, do aluno Gabriel, contribuíram com o projeto “Da África para o Brasil”, que fala sobre costumes africanos que o Brasil herdou.

“Foi um tempo divertido de muito aprendizado e confraternização. Os alunos amaram esse momento”, conta a professora Ediléia.