6º e 7ºs anos visitam a Aldeia Indígena Krukutu

Trabalho de campo aborda diversidade cultural e a história do Brasil

Alunos dos 6º e 7ºs anos conheceram a Aldeia Indígena Krukutu, localizada em Parelheiros – São Paulo. Num contexto em que os povos indígenas foram praticamente dizimados, o trabalho de campo levou as crianças para conhecer seus hábitos, sua forma de sobrevivência e sua luta diária para preservar seus costumes.

O professor Ricardo relata que o passeio começou com uma apresentação da aldeia feita pelo Cacique. Teve jogo de futebol entre os alunos e as crianças da aldeia, caminhada em grupo e um rico aprendizado sobre diversidade cultural e a história do Brasil. “Os alunos também ficaram empolgados com uma atividade de arco e flecha. Foi tudo muito interessante”, diz.

“Trabalhamos a ideia de que não existe uma cultura melhor do que a outra, mas sim culturas diferentes e todas são importantes. Os povos indígenas fazem parte da formação do povo brasileiro e abordamos a contribuição de diferentes grupos étnicos para a construção do nosso país”, acrescenta a professora Janaína, da unidade Granja Viana.

Segundo a coordenadora Rosely, a partir desse contato, os alunos ampliarão seu conhecimento histórico e sua responsabilidade social. “Podendo, assim, contribuir com ações positivas para a preservação da cultura dos povos indígenas no Brasil”, ressalta.

O trabalho de campo na aldeia foi mais uma oportunidade de vivenciar os conceitos aprendidos em sala de aula de maneira lúdica e prática.