JIP Granja Viana: Artes e Comunicação em pauta

Alunos conhecem mais sobre Teatro, Música, Dança, Fotografia e muito mais

O Anglo Leonardo da Vinci, unidade Granja Viana, realizou a JIP (Jornada de Informação Profissional) focada em Artes e Comunicação. Mais do que a oportunidade de saber sobre carreiras, os alunos foram expectadores de grandes apresentações artísticas e de conversas enriquecedoras.

O evento teve início com transmissão de vídeos de ex-alunos que atualmente estudam fora do país nas áreas de Artes e Audiovisual. Eles contaram a trajetória de escolha da carreira e compartilharam a experiência de estudar fora do Brasil.

O Espaço Bathka - Dança Plural também participou do evento. A companhia trabalha com dança, acrobacia, teatro e música. Lucas, um dos integrantes, contou sua experiência no Teatro. “Cursei letras, fiz cursos de teatro e me especializei em terapia corporal. Me encontrei unificando neurologia e a dança”, conta.

A professora de Teatro Clarice Costa agregou com sua trajetória. Foi sincera ao expor frustrações e conquistas, e falou sobre mercado de trabalho. “A profissão deve trazer um nível de satisfação e realização pessoal. Quando isso não acontece, precisamos fazer manobras e mudar”.

A Música ficou por conta de Cecilia Romero, professora de violino e musicalização. Ela cursou Design de Interiores e começou a carreira em Arquitetura. Após se dedicar ao violino, agora, trabalha com isso. Um grande exemplo de que sonhos diferentes podem se realizar após a faculdade.

Verônica, também do Espaço Bathka, encantou falando sobre Dança. Ela discorreu sobre o seu amor pelo o que faz. “Cursei outras áreas, como letras, por exemplo, mas nunca consegui sair da Dança. Esta é a minha paixão”, relata.

Lígia Fernandes falou sobre Fotografia e incentivou os estudantes a escolher a carreira com consciência. “Dentro da fotografia existem varias possibilidades para trilhar o caminho profissional. Precisamos fazer o que a gente acredita e que nos realizará", conta.

Silvia Ruiz e seu assistente Rodrigo abordaram Artes Plásticas. Eles contaram a experiência de trabalhar com produção cultural e mostraram alguns trabalhos a área de gravura (saiba mais: http://silviaruiz.net/).

O evento teve ainda a oficina "Das artes a psicologia: às artes", com Renato Tardino. Ele relaciona a psicanalise com as Artes. “Busco sempre o dialogo entre as áreas”.

A JIP finalizou com uma incrível aula de Yoga. “Foi um evento de muita qualidade, com profissionais convidados de alto nível que proporcionaram uma tarde muito rica e prazerosa. Além de oferecer um ensino forte, apoiamos famílias e alunos para que realizem os projetos que sonham.  Essa foi a ideia da JIP”, acrescenta o coordenador do Ensino Médio Marcos Lanner.